Outras Cidades de Massachusetts

Corn Maze: perdidos no labirinto do milharal

Esse post já era pra ter saído no mês passado, antes do Halloween. Como vocês podem ver, não deu. Mas ainda assim vale publicar sobre o lugar, e fica a dica para ano que vem!

Cenário de filme.
Cenário de filme.

Já pensou em ficar perdido no meio de um milharal, plantação ou uma floresta? Filme de terror! E se nós te dissermos que dá pra fazer esse tipo de “pesadelo” acontecer aqui em Massachusetts? Por livre e espontânea vontade, nós fomos num Corn Maze, um labirinto GIGANTE no meio do milharal!

Marini Corn Maze, Bakery e Farm

A Marini Corn Maze, Bakery e Farm é, como o nome diz, uma fazenda que produz frutas, legumes e vegetais; e que oferece ainda uma padaria/confeitaria/feira e um labirinto num milharal. Esse complexo é o “ganha-pão” da família Marini desde 1928. Ou seja, esse povo entende de ganhar dinheiro com a terra.

Tudo produzido lá
Tudo produzido lá

São mais de 90 hectares de área, sendo pelo menos metade disso de milho. Para vocês terem ideia, só o labirinto tem 3 hectares com mais de 10 milhas (16 km) de caminhos internos. Não é pouca coisa, eles recomendam estar preparado para andar por pelo menos 2 horas dentro dele. Nós levamos pouco mais de 1h40min porque cansamos de nos perder e pegamos o mapa da saída (#fail).

Olha o tamanho desse lugar
Olha o tamanho desse lugar

Eles têm um app com o mapa do lugar e isso ajuda muito, muito, MUITO! Mas se você não quiser usar, é muito legal descobrir o caminho por conta própria, preenchendo os desafios no papel (palavras e desenhos)

Mapa do labirinto desse ano
Mapa do labirinto desse ano
Tente não se desesperar só vendo verde para todos os lados...
Tente não se desesperar só vendo verde para todos os lados…

Ah, se você ficar perdido de um jeito desesperador, é só balançar uma bandeira que você ganha ao entrar no local, que um funcionário vem te resgatar.

Milho, milho e mais milho
Milho, milho e mais milho

Vale dizer também que você deve levar: uma água porque não tem nenhum lugar dentro do labirinto para tomar/comprar, repelente, protetor solar e um boné/chapéu/viseira. Se for à noite, lanterna. E não leve bolsa pesada porque você vai andar muito.

Sobre a padaria, o que nós podemos dizer? Tudo é caseiro, bem feito, cheiroso e mais caro que o normal, claro. Preço que se paga pela qualidade.

Marini Farm
Marini Farm

Nós sugerimos os cookies de peanut butter, coconut macaroons e os refrigerantes/sucos produzidos lá mesmo!

Horário de funcionamento, ingressos e endereço

O labirinto funciona de 10 de setembro a 31 de outubro, todo os anos e todos os dias, das 10h da manhã às 18h. Na sexta e sábado, há o passeio noturno começando às 18h e indo até 22h30.

Horários de funcionamento da Marini Corn Maze
Horários de funcionamento da Marini Corn Maze

O acesso à fazenda e padaria são gratuitos mas o labirinto e os espaços infantis têm ingresso. Custa $10.99 nos dias de semana e $12.99 no final de semana; para os passeios noturnos, o ingresso custa $14.99. Crianças com 2 anos ou menos, não pagam. Para comprar ingressos, clique aqui.

Nós sugerimos chegar logo cedo, às 10h da manhã, pra fazer o trajeto sem muito calor/fome. E aí sair vitorioso direto para padaria!

O endereço da Marini Farm é 259 Linebrook Road, Ipswich, MA 01938.

E, infelizmente, não há transporte público para chegar lá. Mas dá pra ir até a cidade de Ipswich de Commuter Rail – Linha Roxa e de lá pegar um Uber/Lyft. O trem da linha Newburyport sai de hora em hora da North Station, leva cerca de uma hora até Ipswich e custa $12.75.

Para ir de carro, à partir do centro de Boston, você vai levar cerca de 1h e 20 minutos até 2h, dependendo do horário de partida.

A felicidade de quem terminou o labirinto
A felicidade de quem terminou o labirinto

E aí gostou do passeio? Já foi lá ou já foi em outro labirinto no milharal? Conta para nós aqui nos comentários! E siga o Roteiros e Relatos também nas outras redes sociais: InstagramYoutubeTwitter e Facebook. Em todas elas, temos conteúdo novo e exclusivo toda semana.

Té a próxima!

Fotógrafo, barbudo, viciado na Craigslist e wikipedia ambulante.