Califórnia, USA

Shopping The Grove em Los Angeles

Quem não curte fazer compras durante viagens, né? E melhor ainda se as lojas estiverem em um lugar charmoso e cheio de atrações. Sendo assim, hoje vamos falar de um shopping a céu aberto em Los Angeles, que tem todas essas características: variedade de lojas que vai desde a UGG Australia até a Apple, lanchonetes e restaurantes variados, arquitetura encantadora, bondinho elétrico e fontes dançantes.

O “The Grove“, anexo ao Farmers Market, é um shopping que simula uma rua de uma cidade europeia, misturando elementos da arquitetura Art Deco com o exagero de Las Vegas e o luxo da Rodeo Drive (também em Los Angeles). Lembra um pouco os parques da Disney, pelo ambiente que é todo cenográfico.

The Grove visto do lado de fora. É um grande paredão, parecendo um shopping como qualquer outro (e percebam o Farmers Market ali ao lado).
The Grove visto do lado de fora. É um grande paredão, parecendo um shopping como qualquer outro (e percebam o Farmers Market ali ao lado).
Entrada florida do The Grove.
Entrada florida do The Grove.
1st Street, a principal rua do shopping.
1st Street, a principal rua do shopping.

Dentre as lojas presentes, destacamos: as duas de departamento de luxo Barneys New York e Nordstrom; as de roupas Zara, Anthropologie, Banana Republic, Diane von Furstenberg, J. Crew, Tommy Bahama, GAP, Michael Kors, Topshop e Forever 21; de acessórios a UGG, a Coach e a Swarovski; e de beleza a MAC e a Sephora. E claro, a super badalada Apple Store.
Maquiagens 728x90

Entrada da Barneys New York e do lado a J. Crew.
Entrada da Barneys New York e do lado a J. Crew.
Mais algumas lojas.
Mais algumas lojas.

Se não deu pra notar, faço aqui um comentário: a maior parte dessas marcas são caras e, portanto, têm preços salgados. Uma exceção para a Forever 21 (e talvez a GAP) que é baratex, e a Sephora e MAC que têm preços tabelados… Mas mesmo assim, se não quiser fazer compras, passeie, curta o ambiente e compre só aquilo que for necessário.

Tal como acontece com as opções de compras, a maioria dos restaurantes tendem a ter preços moderados ou altos. De restaurantes de rede, temos a famosa Cheesecake Factory (leiam o nosso post sobre ela, clicando no link!); e o Maggiano Little Italy (de comida italiana, of course). Outras opções são exclusivas de Los Angeles, tais como o The Farm of Beverly Hills e o The Whisper Restaurant and Lounge.

Se você quiser fazer um lanche rápido (ou poupar dinheiro) vai encontrar quiosques como o All American Sausage Co. (cachorro-quente e aperitivos como batata frita), Haagen-Dazs (sorvetes); Pretzels da Wetzel e The Coffee Bean & Tea Leaf (café, chás, bolos, pães, etc).

Mapa do The Grove

Esse é o mapa do The Grove. Em marrom escuro, o estacionamento (parking), em azul escuro o cinema (Pacific Theatres), em azul claro as lojas e em verde as lanchonetes e restaurantes. Para ver em detalhes, clique aqui.

Como já disse lá em cima, a First Street (1st St.) é a via principal, que leva de uma ponta a outra do shopping, e ainda, que faz ligação com o Farmers Market. Um bondinho elétrico percorre essa rua, dando uma carona gratuita aos visitantes. O mais legal é que esse bondinho é dos anos 1950, e na verdade funcionava aqui na cidade onde moramos – Boston. Agora, no The Grove, ele funciona de domingo à quinta-feira, de meio-dia até 19h45; e sexta e sábado, das 13h às 20h45.

O bondinho é quase o símbolo do shopping.
O bondinho é quase o símbolo do shopping.
Trilho do bondinho.
Trilho do bondinho.

Outra atração que agrada as famílias é a fonte de água The Grove, que fica no parque The Grove (criatividade ao escolher os nomes #sqn).

Ela foi desenhada pela empresa WET, a mesma que projetou a fonte do cassino Bellagio em Las Vegas, e ainda que fez a maior fonte do mundo, no lago do maior prédio do mundo, o Burj Khalifa em Dubai (ai ai, Dubai e sua mania de grandiosidade). Mas voltando à fonte do The Grove, que é humilde mas não deixa de ser charmosa; a cada 1 hora há um show de águas dançantes, com músicas de Dean Martin, Frank Sinatra, Lionel Richie, Donna Summer, etc. Nas datas festivas, as músicas se tornam temáticas.

The Grove Fountain.
The Grove Fountain.

Tem vários vídeos no youtube com ela em movimento, então se quiser ter uma ideia, clica aqui 🙂

No verão, pequenos shows também são realizados no parque, nos arredores da fonte. Já no inverno, é montada uma árvore de Natal de 34 metros (a mais alta em Los Angeles) e uma máquina cria neve falsa pra animar a criançada.

Cata-ventos gigantes, em volta da Estátua 'Spirit of Los Angeles'.
Cata-ventos gigantes, em volta da Estátua ‘Spirit of Los Angeles’.

O The Grove tem estacionamento próprio, embora você também possa usar o do Farmers Market. Escolha com base em onde você pretende gastar mais o seu tempo (e seu dinheiro). O Farmers Market oferece duas horas livres, com a apresentação de algum cupom fiscal de compra. Enquanto isso, o The Grove oferece uma hora gratuita para todos os visitantes, e, após isso, cobra $3 para as próximas duas horas, com a validação de ticket também.

Estacionamento gigante do The Grove.
Estacionamento gigante do The Grove.
Estacionamento do Farmers Market, atração que você tem que visitar quando estiver no The Grove :)
Estacionamento do Farmers Market, atração que você tem que visitar quando estiver no The Grove 🙂

Esperamos que você tenha curtido saber um pouco mais sobre esse passeio na cidade dos anjos. E se já foi ao The Grove, conte pra gente aqui nos comentários o que achou do lugar!

Endereço e Horário de funcionamento

  • 189 The Grove Dr, Los Angeles, CA.
  • Domingo à quinta-feira: 10h às 21h / Sexta e sábado: 10h às 22h.

Té a próxima!

Administradora, eterna estudante, cozinheira nas horas vagas e viciada em maquiagem.