Boston, Nova York, Onde Comer, Onde Comer, Restaurantes, Restaurantes

The Cheesecake Factory – O restaurante que tem de tudo

Quem assiste The Big Bang Theory já sabe do que eu vou falar hoje: a Cheesecake Factory! Na série, a personagem Penny trabalha como garçonete numa das franquias do restaurante, na Califórnia. E por que foi colocado na série? Além – é claro – do patrocínio que a empresa não confirma, a Cheesecake Factory é quase uma instituição nos Estados Unidos. Digo isso porque é muito difícil encontrar alguém que não tenha ido num dos seus mais de 200 estabelecimentos. E dizem que este ano abrirá uma unidade no Brasil, provavelmente em São Paulo.

Resumindo a história da empresa: A rede surgiu em 1978 na Califórnia (vejam só), quando o filho de uma confeiteira decidiu abrir um restaurante para expor as tortas e bolos feitos pela sua mãe. Ele apostou que as pessoas iriam gostar de comer num lugar com um cardápio extenso de sobremesas. Óbvio que ele estava certo…

Cheesecake Factory - Cambridge Side Galleria
Cheesecake Factory – Cambridge Side Galleria

De lá pra cá, a The Cheesecake Factory e o seu cardápio só cresceram. Sem brincadeira, o menu tem quase 20 páginas, com mais de 250 opções, entre carnes, frango, peixes, pizzas, saladas, sanduíches e muito mais. Por isso, ir lá é certeza de encontrar algo que você goste. Ou algo bem diferente daquilo que você planejava comer. Cabe falar, não é a melhor comida do mundo, a especialidade deles são os cheesecakes, mas todo o resto é muito bom. E as porções são consideradas grandes.

Menu/Livro
Menu/Livro
Crispy Crab Wontons - O Crab Ragoon de lá
Crispy Crab Wontons – O Crab Ragoon de lá

Sobre os valores, não é barato mas não é caro, entendeu? É aquela opção meio termo. Os preços dos pratos de almoço variam de pasta simples com molho por US$ 8.95 até um steak de contra-filé por US$ 29.90. Do jantar é quase a mesma coisa, mas começando por US$ 12.95. Claro que tudo que você pedir você deve calcular uma gorjeta de 15% a 20% no final.

O que eu peço e não tem erro (pra mim pelo menos): Steak Diane – escalopes de angus com molho de vinho, pimenta e cogumelos, acompanhado de purê de batata.

Terceiro post com essa foto, já dá pra pedir gol: Pasta com frango e camarão da Cheesecake Factory
Terceiro post com essa foto, já dá pra pedir gol: Pasta com frango e camarão da Cheesecake Factory

A Luciane prefere as opções de massa com frutos do mar.

E uma dica dela: Segure a fome, e não peça entrada (mesmo que elas pareçam atrativas). O restaurante já serve um pãozinho australiano com manteiga como couvert. Peça seu prato principal e guarde espaço para o cheesecake. Nós já fomos muitas vezes lá, comemos o pão, mais uma entrada, mais prato principal, e na hora da sobremesa… Ninguém aguenta mais! E não dá pra ir lá e renegar a estrela do cardápio, né?

Não é fraco...
Não é fraco…

Apesar de ser um bom restaurante, uma das coisas que achamos bizarro é a decoração do lugar. Pense em algo brega e multiplique por 2. É uma mistura de restaurante italiano com temas egípcios. Então espere tons de vinho, misturados com faraós, hieróglifos e colunas parrudinhas… Me lembra Aladdin com Las Vegas.

Acho que agora você entendeu né?
Acho que agora você entendeu né?

Em Boston onde tem?

No centrão (Downtown) tem, lá no Prudential Center, no número 800 da Boylston Street, voltado para fora mas com entrada por dentro do shopping também. Dá para chegar lá por duas linhas do metrô: estação Prudential na linha verde, e aí você já sairá dentro do complexo, ou a estação Back Bay na linha laranja. Procure o Copley Mall na saída da estação e o Prudential Center pode ser acessado a partir deste shopping.

Entrada 2 no Cambridge Side Galleria
Entrada 2 no Cambridge Side Galleria

A outra Cheesecake mais próxima do centrão é em Cambridge, no Cambridge Side Galleria, bem atrás do Museum of Science. Para chegar lá: Linha Verde E outbound/northbound até a estação de Science Park ou Lechmere. Após saltar, cruze por baixo do viaduto e você estará na frente do mall.

Vale a pena?

Cheesecake de Oreo, sucesso!
Cheesecake de Oreo, sucesso!

Vale, principalmente se você for em grupos grandes, pois o cardápio atende a todos os gostos. Claro que vale se você estiver sozinho ou em casal, mas há outros lugares mais baratos e gostosos.

Já em matéria de cheesecake, eles ganham de qualquer um. É sabor do céu! Só não vale pensar nas calorias. O melhor para mim é o de bolacha Oreo. Pra bom entendedor é: “comer/correr”.

Sente a pressão! Esse é de Peanut Butter (pasta de amendoim).
Sente a pressão! Esse é de Peanut Butter (pasta de amendoim).

Té a próxima!

Quer ver mais posts sobre lugares legais para comer nos Estados Unidos? Então clique aqui.

E siga o Roteiros e Relatos nas redes sociais: Facebook, Twitter e Instagram. Temos conteúdos exclusivos em cada uma delas, todos os dias!

=)

Fotógrafo, barbudo, viciado na Craigslist e wikipedia ambulante.